Saneamento Básico
O SAAE controla a qualidade da água fornecida à população de Lagoa da Prata e distritos. Diariamente são realizadas cerca de 170 análises físico-químicas e bacteriológicas. A análise laboratorial obedece à Portaria n° 2.914, de 11 de dezembro de 2011, do Ministério de Saúde. Uma parte desse trabalho é feita nos laboratórios de uma empresa privada e outra parte pelo SAAE, em laboratório próprio. Mensalmente você recebe os resultados nas contas de água. Acompanhe a qualidade da água que você consome.

CONHEÇA MAIS UM POUQUINHO SOBRE NOSSA ÁGUA E DIVULGUE SUA QUALIDADE!

Lagoa da Prata tem o privilégio de receber água subterrânea de excelente qualidade.

A água distribuída a nossa gente, é de procedência do lençol aqüífero, isto é, são águas subterrâneas, extraídas por meio de poços artesianos. São águas mais protegidas da poluição ambiental e que por isso mantém suas características próprias. São de natureza benéfica ao consumo humano, por sua composição rica em sais minerais, com pH, cor, turbidez, níveis bacteriológicos invejáveis, com ausência de substâncias orgânicas como fenóis e pesticidas, e substâncias inorgânicas, como metais pesados maléficos à saúde humana.

Para esclarecimento e conscientização a uma parcela da população, que costuma atribuir a incidência de cálculos renais, ou seja, "pedra nos rins", à qualidade de nossa água, pela quantidade de cálcio existente, informamos que segundo o engenheiro civil e sanitarista José Nelson de Almeida Machado, diretor da ABES (Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental), existe uma pesquisa feita pelo Instituto de Ciências Biológicas (ICB), da Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG, de que não é verídica esta idéia que se propaga falsamente. Sabe-se por meio desta pesquisa que o cálcio presente na água é absorvido pela parede do estômago, sendo benéfico uma vez que o ser humano necessita de 800 a 1.500 miligramas de cálcio por dia, e que esta mesma pesquisa atribui à formação de cálculos renais à ingestão de cálcio presente em alimentos como tomate, leite e derivados e outros. Informações prestadas pela ABES esclarece que na Europa esse teor de sais de cálcio é 3 vezes maior do que em nossa água, sendo de 450mg/l, enquanto que o teor desses sais em nossa água é de 150 mg/l, e que nem por isso a incidência de cálculos renais na Europa seja maior que no Brasil.

PERGUNTAS MAIS FREQUENTES

1 - O que é água potável?

Água potável é a água que pode ser consumida com segurança pela população, apresentando, portanto, características físicas, químicas, biológicas e organolépticas em conformidade com a legislação específica (padrões de potabilidade).

Uma água potável não deve ser confundida com água pura ou água limpa. Água pura só pode ser fabricada em laboratório através de processos de destilação. Na água potável é permitida e até necessária algumas substâncias químicas dissolvidas (principalmente sais minerais) só que em concentrações limitadas (valores máximos permitidos).

Por outro lado, a água limpa que nós chamamos popularmente de cristalina, não é suficiente para ser considerada potável. Dentro dela pode existir muitos microorganismos, invisíveis a olho nu, que podem causar doenças.

2 - A água de qualquer torneira da minha casa é segura para se beber e fazer comida?

O SAAE garante a qualidade da água distribuída à população até a entrada do imóvel, na estrutura do cavalete, onde existe o medidor de consumo (hidrômetro).

A manutenção da qualidade da água, nos cômodos internos da residência é dever e responsabilidade de cada morador. Por isso, mantenha suas instalações hidráulicas sempre em bom estado de conservação e limpe a caixa d'água pelo menos 2 vezes ao ano. Toda caixa d'água deverá ficar permanentemente tampada e bem vedada.

3 - Minha filha tomou água da torneira e ficou com dor de barriga e diarréia. É mesmo por causa da água?

Não. A água que o SAAE entrega pela rede de distribuição tem um contínuo controle de qualidade.

É mais provável que outras coisas que ela tenha ingerido possam tê-la deixado doente. Além do mais, os copos e os vasilhames para depositar água precisam estar sempre limpos. Hábitos de higiene, como lavagem das mãos com sabonete antes de desocupar os banheiros, corte e limpeza das unhas, evitar levar a mão suja à boca, acondicionamento do lixo doméstico em recipientes bem vedados são indispensáveis para se evitar doenças.
Voltar
Serviço Autônomo de Água e Esgoto
Rua Ângelo Perillo, nº 15, Centro - Lagoa da Prata-MG - CEP: 35590-000
CNPJ: 18.423.582/0001-84 - Inscrição Estadual: Isento
PABX: (37) 3261-3400 | 0800-283-3340 | 195 | 115
Ir para o Topo
iSoluçõesWEB - Desenvolvimento de Websites